TRF-RJ/ES: inicial de R$2.618

Para quem tem nível fundamental e o sonho de ingressar na esfera pública, o concurso para o quadro técnico-administrativo do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-RJ/ES), que está em pauta, representa uma ótima oportunidade.
Isso porque será oferecido, entre outros cargos, o de auxiliar judiciário da área administrativa (sem especialidade), que requer essa faixa de escolaridade. Ao contrário da última seleção, feita em 2007, os dois estados de abrangência do órgão serão contemplados (na época, não houve vagas para auxiliar no Espírito Santo), segundo a Secretaria de Recursos Humanos do tribunal.

A função proporciona remuneração de R$2.618,19, sendo R$630 de auxílio-alimentação, bem como vale-transporte, auxílio-creche, assistência médica-hospitalar (titular e dependentes) e possível adicional de qualificação. O regime de contratação é o estatutário (garantia de estabilidade).

O cargo representa uma boa porta de entrada no mercado, tendo em vista que não é exigida experiência profissional anterior e é aberto para ambos os sexos. Além disso, como o diploma deverá ser apresentado apenas no ato da posse, quem está concluindo o nível fundamental em 2011 poderá participar da seleção.

O TRF e a Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, concentram os esforços para concluir o edital, cuja elaboração já foi iniciada.  Segundo fontes, a expectativa é que o documento saia já neste mês, embora as assessorias de Comunicação Social das duas entidades não tenham confirmado a informação.

De acordo com a Secretaria de Recursos Humanos do tribunal, haverá formação de cadastro de reserva para o cargo, pois ocorrerão nomeações de candidatos do concurso de 2007 até o fim da validade, no próximo dia 21 de dezembro. Nessa seleção, o cargo de auxiliar judiciário da área administrativa (sem especialidade) foi o que teve maior procura, reunindo 70.578 inscritos.



Veja as atribuições de um auxiliar
Aqueles que conquistarem o cargo de auxiliar judiciário da área administrativa (sem especialidade), que será oferecido no concurso para a área de apoio do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-RJ/ES), realizarão atividades de nível auxiliar com a finalidade de possibilitar o apoio administrativo necessário à execução dos trabalhos de todas as unidades do órgão. Entre os serviços estão a recepção e o arquivamento de documentos, além de outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.


Oportunidades para o nível médio
Além do cargo de auxiliar judiciário da área administrativa (sem especialidade), o TRF-RJ/ES também já confirmou que sua seleção visará à formação de cadastro de reserva para técnico judiciário da área administrativa (sem especialidade), que exige nível médio. A função propicia os mesmos benefícios de auxiliar, mas, nesse caso, a remuneração atinge R$4.623,09 (sendo R$630 de auxílio-alimentação).

A validade da seleção de 2007 terminará em 15 de janeiro de 2012. Mesmo sem terem sido abertas vagas imediatas na época, já foram nomeados 453 aprovados no cargo (61 no Espírito Santo e 392 no Rio). Os técnicos administrativos realizam atividades a fim de fornecer auxílio técnico e administrativo para magistrados e órgãos julgadores, como redação de minutas, levantamento de dados e pesquisa de legislação, doutrina e jurisprudência.



Graduados também poderão entrar na disputa
Status, garantia de estabilidade (regime estatutário), boas remunerações e benefícios não são os únicos atrativos do concurso para o TRF-RJ/ES, pois o órgão abrirá cargos para todos níveis de escolaridade. Além de auxiliar e técnico judiciários da área administrativa (sem especialidade), será ofertada a função de analista judiciário da área administrativa (sem especialidade), com exigência de graduação em qualquer área.

Assim como nos outros casos, será formado cadastro de reserva, tendo em vista que a validade da última seleção, feita em 2007, será encerrada, nesse caso, em 21 de dezembro próximo. Os classificados no novo concurso receberão R$7.181,52, dos quais R$6.551,52 de vencimentos e R$630 de auxílio-alimentação (os benefícios serão os mesmos dos outros cargos).

Como a organizadora será a Fundação Carlos Chagas (FCC), a exemplo do ocorrido no concurso promovido há quatro anos, é possível que as etapas sejam repetidas. Na época, os candidatos tiveram pela frente prova objetiva de Conhecimentos Gerais (20 questões) e Conhecimentos Específicos (40) e uma redação.

Atribuições - Os analistas da área administrativa (sem especialidade) são responsáveis pelo planejamento, execução e acompanhamento de planos, projetos, programas ou estudos ligados à administração de recursos humanos, materiais e patrimoniais, orçamentários e financeiros. Os profissionais também emitem pareceres e relatórios técnicos em processos, entre outras funções.



Veja quadro de cargos do concurso anterior
Embora o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-RJ/ES) só tenha confirmado os cargos de auxiliar, técnico e analista judiciários da área administrativa (sem especialidade) em seu próximo concurso para o quadro de apoio, a Secretaria de Recursos Humanos do órgão informou que as demais especialidades de técnico e analista judiciários serão contempladas. Para estas, também haverá formação de cadastro de reserva, exceto se surgirem vagas em áreas sem seleção em validade.

A validade do concurso realizado em 2007 irá terminar nos próximos dias 21 de dezembro (todas modalidades de analista e técnico nas carreiras de Contabilidade, Informática e operação de computadores) e 15 de janeiro de 2012 (demais áreas de técnico judiciário).

Essa seleção já acarretou na convocação de 829 servidores, sendo 115 no Espírito Santo e 714 no Rio de Janeiro. Além de auxiliar, técnico e analista da área administrativa (sem especialidade), outro destaque foi no cargo de analista judiciário da área judiciária (sem especialidade), com 209 nomeações (25 no Espírito Santo e 184 no Rio), aberto para bacharéis em Direito.

No concurso de 2007, foram oferecidas outras carreiras na função de técnico com exigência de nível médio, além de administrativo (sem especialidade), como administrativo em telecomunicações e eletricidade e telefonia. Mas ainda foram proporcionados cargos de nível médio/técnico. Em todos os casos, a remuneração é de R$4.623,09. Em relação a analista, cujos rendimentos sempre são de R$7.181,52, a área de apoio especializado em taquigrafia também exigiu qualquer nível superior, mas outras carreiras requereram formação específica.
Fonte : Folha Dirigida

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Troca de Links - Parceiros RSS Search Site no Esquillo Directorio Twingly BlogRank Teaching Blog Directory GoLedy.com Divulgue seu blog! Blogalaxia BRDTracker Directory of Education/Research Blogs Top Academics blogs Education and Training Blogs - BlogCatalog Blog Directory blog directory Blog Search: The Source for Blogs Submit Your Site To The Web's Top 50 Search Engines for Free! Sonic Run: Internet Search Engine Estou no Blog.com.pt
http://rpc.twingly.com/

  ©Trabalhos Feitos / Trabalhos Prontos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo