Professor pede desculpa por sexo ao vivo em aula

Um professor universitário pediu desculpa por ter apresentado uma cena de sexo ao vivo durante uma aula. A actividade extra-curricular do curso de Psicologia da Universidade de Chicago gerou polémica. Inicialmente, o professor disse que a demonstração foi «pedagógica», mas depois acabou por pedir desculpa, avança o jornal «Courier News».

«A demonstração não foi planeada, mas aconteceu porque eu tomei uma decisão, no momento, de a deixar seguir. Não devia ter deixado», adianta.

Ainda assim, mostrou-se surpreendido pela reacção do público perante o facto de, durante uma actividade extra-curricular, um homem ter usado um vibrador na sua namorada em frente a 100 alunos.

«Numa altura de crise, guerra e aquecimento global, esta história foi manchete durante mais de dois dias. Não vejo qual tenha sido o mal do que aconteceu, mas vejo que há muitos que acreditam que foi algo profundamente errado».

A palestra decorreu fora do horário das aulas e foi assistida por cerca de 100 alunos que foram avisados previamente do teor. A conferência começou com explicações teóricas finalizando com uma demonstração da utilização de brinquedos sexuais, que foi exibido por um casal de namorados.

Jim Marcus de 45 anos e a namorada, Fé Kroll de 25 demonstraram aos alunos como usar brinquedos sexuais satisfazendo fetiches e como usá-los em práticas masoquistas e de domínio do parceiro.

O casal de namorados alegou que os actos tiveram a pretensão de ensinar aos alunos aspectos reais do orgasmo feminino e que por ser real teria mais impacto do que filmes assistidos na aula.

Morton Schapiro, presidente da universidade, disse ao «Chicago Sun-Times» que se sentiu «perturbado e desapontado» e que com a situação foi «infeliz por parte dos membros do corpo docente», não acreditando que «a palestra tenha sido apropriada, necessária ou de acordo com a missão da universidade», embora «apoie o avanço do conhecimento».

O professor mentor da palestra, mais conhecido por Bailey, referiu que a resposta dos alunos foi «uniforme positiva».

Graham Horn, aluno de 18 anos assistiu aos actos que se desenrolaram afirmou que «as proporções que o acontecimento está a tomar são terríveis» visto que acha que «é surpreendente a oportunidade dada pela universidade para que os alunos tivessem novos conhecimentos» e exprime ainda a decepção sobre «a denúncia de Schapiro».

Alguns pais e alunos da universidade mostraram-se descontentes com o cariz sexual que a palestra tomou.



http://www.tvi24.iol.pt/

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Troca de Links - Parceiros RSS Search Site no Esquillo Directorio Twingly BlogRank Teaching Blog Directory GoLedy.com Divulgue seu blog! Blogalaxia BRDTracker Directory of Education/Research Blogs Top Academics blogs Education and Training Blogs - BlogCatalog Blog Directory blog directory Blog Search: The Source for Blogs Submit Your Site To The Web's Top 50 Search Engines for Free! Sonic Run: Internet Search Engine Estou no Blog.com.pt
http://rpc.twingly.com/

  ©Trabalhos Feitos / Trabalhos Prontos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo