Livro sobre sexo é recolhido

Depois de muita polêmica, o livro Mamãe, como eu nasci? começou a ser recolhido nesta terça-feira em escolas da rede municipal do Recife. A obra foi adotada como paradidático nas turmas do 4º e 5º anos do Ensino Fundamental (antigas 3ª e 4ª séries) e foi entregue com outras 5 publicações. Mas foi a única a causar barulho. O recolhimento, porém é temporário. Segundo a pedagoga Lúcia Bahia, integrante do Grupo de Trabalhos de Orientação Sexual (GTOS) da Prefeitura do Recife, o tema será discutido com os pais e professores e só depois volta para as mochilas dos alunos. 



Livro paradidático utilizado para aulas de educação sexual é recolhido em escolas do Recife. Imagens: Marta Telles/DP/D.A Press

Maria Sandra Veras, da Escola Municipal General Emídio Dantas Barreto, disse que os alunos não queriam devolver Foto: Marta Telles/DP DA Press
Escrito em 1988 pelo professor Marcos Ribeiro, o livro foi adotado pela primeira vez neste ano no Recife, onde há cerca de 25 mil alunos entre 8 e 10 anos. Mas a publicação é adotada em escolas de todo o país. As críticas contra a adoção de Mamãe, como eu nasci? são, na maioria, em relação às ilustrações da obra. Uma das imagens mostra um homem e uma mulher nus na cama. Mas a imagem de crianças se masturbando foi o que mais causou polêmica. O assunto chegou até à Câmara de Vereadores. Muitos políticos, a maioria da bancada evangélica, foram contra a adoção do livro nas escolas municipais. 

Lúcia Bahia explica que a ideia da reapresentação da publicação é justamente mostrar como ela pode ser útil para ajudar aos pais e professores a falar sobre sexo de maneira mais natural com as crianças. Na Escola Municipal General Emídio Dantas Barreto a devolução não foi bem recebida pelos alunos. "Muitos disseram que já estavam lendo e que não queriam devolver. Aqui na escola não chegou nenhum pai de aluno reclamando", contou a gestora Maria Sandra Veras. 

A psicóloga educacional Argele Medeiros comentou que costuma se deparar com crianças bem pequenas perguntando sobre sexo e a história da cegonha não convence mais. "Hoje as informações chegam muito rápido para crianças. A gente não tem controle de quando é que elas descobrem sobre sexo. Não existe uma idade ideal para se tocar no assunto e o livro pode ajudar pais que não sabem como explicar. Mas negar a sexualidade da criança não é o caminho correto", explicou. A psicóloga faz um alerta: "o ideal é que os adultos respondam às perguntas das crianças com naturalidade. O silencio deixa espaço para fantasia e para a construção de fantasmas que somente tumultuam a aprendizagem correta". 




http://www.diariodepernambuco.com.br/

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Troca de Links - Parceiros RSS Search Site no Esquillo Directorio Twingly BlogRank Teaching Blog Directory GoLedy.com Divulgue seu blog! Blogalaxia BRDTracker Directory of Education/Research Blogs Top Academics blogs Education and Training Blogs - BlogCatalog Blog Directory blog directory Blog Search: The Source for Blogs Submit Your Site To The Web's Top 50 Search Engines for Free! Sonic Run: Internet Search Engine Estou no Blog.com.pt
http://rpc.twingly.com/

  ©Trabalhos Feitos / Trabalhos Prontos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo