Poesias dispersas - A FRANCISCA [39]

Nunca faltaram aos poetas (quando

Poetas são de veia e de arte pura),

Para cantar a doce formosura,

Rima canora, verso meigo e brando.

Mas eu triste poeta miserando,

Só tenho áspero verso e rima dura;

Em vão minh'alma sôfrega procura

Aqueles sons que outrora achava em bando.

Assim, gentil Francisca delicada,

Não achando uma rima em que te veja

Harmoniosamente bem rimada,

Recorrerei à Santa Madre Igreja

Que rime o nome de Francisca amada

Com o nome de Heitor, que amado seja.

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Troca de Links - Parceiros RSS Search Site no Esquillo Directorio Twingly BlogRank Teaching Blog Directory GoLedy.com Divulgue seu blog! Blogalaxia BRDTracker Directory of Education/Research Blogs Top Academics blogs Education and Training Blogs - BlogCatalog Blog Directory blog directory Blog Search: The Source for Blogs Submit Your Site To The Web's Top 50 Search Engines for Free! Sonic Run: Internet Search Engine Estou no Blog.com.pt
http://rpc.twingly.com/

  ©Trabalhos Feitos / Trabalhos Prontos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo