Gazeta de Holanda - N.° 22

1.° DE AGOSTO DE 1887.

Voilà ce que l'on dit de moi

Dans la Gazette de Hollande.

Anda agora toda a imprensa,

Ou quase toda, cuidando

De alcançar que, sem detença,

Acabe um vício nefando.

Na brasileira linguagem,

Essa nacional usança

Chama-se capoeiragem;

É uma espécie de dança,

Obrigada a cabeçadas,

Rasteiras e desafios,

Facadas e punhaladas,

Tudo o que desperte os brios.

Há formados dois partidos,

Dizem, cada qual mais forte,

De tais rancores nutridos,

Que o melhor desforço é morte.

Ora, os jornais que desejam

Ver a boa paz nas ruas,

Reclamam, pedem, forcejam

Contra as duas nações cruas.

Referem casos horrendos,

tão vulgares que soam

Como simples dividendos

De bancos que se esboroam.

E zangam-se as tais gazetas,

Enchem-se todas de tédio,

Fazem caras e caretas

Por não ver ao mal remédio.

Vou consolá-las. É uso

Das alminhas bem nascidas

Dar, contra o pesar intruso

Consolações repetidas.

Eu (em tão boa hora o diga,

Que me não minta esta pena!)

Tenho aquela corda amiga

Que, em pena, dá eco à pena.

Inda quando a rima saia,

Como essa, um pouquinho dura,

(Ou esta da mesma laia)

É rima que dói, mas cura.

As consolações — ou antes

A consolação é uma;

Trepa tu pelas estantes,

Busca, arruma, desarruma:

E, se tens livros contendo

Decisões de Vinte e Quatro

(Há sessenta anos!) vai lendo

Um aviso áspero e atro.

Lê isto: “Para que cessem

De uma vez os capoeiras,

Que as ruas entenebrecem,

Com insolentes canseiras,

“Manda o imperador, que sabe

E quer pôr a isto cobro,

Dar a pena a que lhes cabe,

E se for preciso, em dobro.

“Recomenda neste caso

Que haja a major energia,

Para que em estreito prazo

Acabe a patifaria;

“E seja restituída

A paz aos bons habitantes,

De modo que tenham vida

Igual à que tinham dantes”.

Ora, se este aviso expresso

(Que é de vinte e oito de maio)

Teve tão ruim sucesso

Que inda fulge o mesmo raio,

Concluo que o capoeira

Nasceu com a liberdade,

Ou deu a nota primeira

Se tem mais que a mesma idade.

Valha-nos isto, que ao menos

Consola a gente medrosa,

E faz de alguns agarenos

Cristã gente gloriosa.

Sete de abril, a Regência,

Depois a Maioridade,

Partidos em divergência,

Barulhos pela cidade,

Guerras cruas e compridas,

Exposições, grandes festas,

Paradas apetecidas,

Tudo viu a faca e a testa...

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Troca de Links - Parceiros RSS Search Site no Esquillo Directorio Twingly BlogRank Teaching Blog Directory GoLedy.com Divulgue seu blog! Blogalaxia BRDTracker Directory of Education/Research Blogs Top Academics blogs Education and Training Blogs - BlogCatalog Blog Directory blog directory Blog Search: The Source for Blogs Submit Your Site To The Web's Top 50 Search Engines for Free! Sonic Run: Internet Search Engine Estou no Blog.com.pt
http://rpc.twingly.com/

  ©Trabalhos Feitos / Trabalhos Prontos - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo